Home » Blog » Metanálise com evidências de 25 anos de estudos empíricos sobre Entrevista Motivacional

Metanálise com evidências de 25 anos de estudos empíricos sobre Entrevista Motivacional

Outro estudo recente investigou a contribuição que a entrevista motivacional tem sobre os resultados de aconselhamento e como a ETM se compara com outras intervenções. Um total de 119 estudos foram submetidos a uma meta-análise, incluindo uso de substâncias (tabaco, álcool, drogas, maconha), comportamentos relacionados à saúde (dieta, exercício, sexo seguro), apostas e engajamento em tratamento. Em função dos grupos de comparação, a ETM produziu resultados estatisticamente significativos e duráveis na gama de pequenos efeitos (média g = 0,28). Quando comparada com tratamentos específicos, a ETM produziu resultados não significativos (média g = 0,09). ETM foi robusta em feedback (Motivational Enhancement Therapy [MET]), tempo de entrega, manualização, modo de entrega (grupal versus individual) e etnia .

 

Lundahl BW, Kunz C, Brownell C,Tollefson D, Burke BL. A Meta-Analysis of Motivational Interviewing: Twenty-Five Years of Empirical Studies. Research on Social Work Practice 2010, 20(2):137 – 160.